Ripple ou Bitcoin → Qual é a melhor opção para investimento?

Por conta do grande crescimento do Bitcoin, onde houve uma alta em mais de 1300% de seu valor original, chegando ao preço de US$18.000 no ano de 2017, chamando a atenção de grandes entusiastas e investidores que não conheciam da área, e desde o surgimento do Bitcoin em 2009, mais de 1400 criptomoedas surgiram nesse amplo mercado, e hoje estaremos comparando duas das mais cobiçadas moedas, para te ajudar a escolher qual será seu próximo investimento, sendo Ripple ou Bitcoin?

Ter que escolher entre Ripple ou Bitcoin é algo bem complicado, e por mais que o Ripple tenha um custo menor por unidade, para se ter um bom retorno com essa criptomoeda, é recomendado estar investindo no mínimo R$500,00, e mesmo assim seus ganhos podem não ser tão grandes, pois é uma moeda que está crescendo aos poucos. Então ficamos naquelas, Ripple ou Bitcoin? comprar um Bitcoin por R$21.750 ou comprar várias unidades de Ripple com esse valor?

bitcoin ou rippleEstar escolhendo entre essas duas criptomoeda, Ripple ou Bitcoin, é um difícil escolha e acredito que muitos jogariam para o lado do Bitcoin por ser a principal criptomoeda, além de ter o seu preço nas alturas e que continua subindo mesmo com seu preço oscilando diariamente, e de fato, o Bitcoin é uma das melhores opções de criptomoedas comparada com as outras ultimamente, mas a Ripple também é uma criptomoeda muito promissora dentro do mercado.

E por mais que sejam moedas que utilizam do mesmo serviço do BlockChain, a Ripple foi capaz de pegar todas as vantagens desse serviço e transformar eles em uma realidade para os sistemas bancários, por isso muitos não consideram ela totalmente descentralizada, pois é uma moeda que trabalha diretamente servindo ao sistemas bancários, mas que também atua dentro da internet.


O que é Ripple e como funciona?

Assim como as outras criptomoedas, o Ripple também é uma moeda digital que utiliza de toda a rede BlockChain e sua criptografia de moedas. Porém de uma forma um pouco mais eficiente, pois se difere das outras moedas exatamente por não precisar totalmente de um sistema de pagamentos. Até porque ela é um protocolo de pagamento, sendo ela descentralizada apenas para os bancos que contratam seus serviços, por isso é meio contraditório ela ser uma criptomoeda.

E o que faz a descentralização da moeda para os bancos é exatamente o serviço de gateway que ela oferece, não utilizando da troca direta de moedas entre usuários, igual ocorre dentro das Exchanges. Mas os intermédio continuam existindo normalmente, assim como acontece com as moedas tradicionais. Só que utilizando de uma forma rápida de pagamento e oferecendo os serviços seguros e anônimos do BlockChain aos bancos.

E a Ripple oferece aos bancos a utilização do sistema Hawala, que é nada mais nada menos do que a transação do dinheiro sem que haja movimentação na moeda física. O que garante que você consiga transferir dinheiro de uma conta nacional para outro país de forma muito rápida. E assim diversos bancos conseguem utilizar a transferência de moedas a partir da plataforma oferecida pela Ripple.


O que é Bitcoin e como funciona?

Já o Bitcoin nem precisamos citar que é a principal forma de pagamento por criptomoedas dentro da internet, uma vez que ele é a principal criptomoeda e a mais cobiçada por todos, foi criada pelo anônimo conhecido pelo pseudônimo de Satoshi Nakamoto no ano de 2009 e entrou no mercado com o preço inicial de US$1 por cada unidade. E dispensa explicações do que ocorreu nos próximos anos, onde teve suas grandes altas que fizeram com que a moeda chegasse a um valor maior que US$10.000.

O Bitcoin criou o conceito de mineração e negociação de moedas dentro da internet, utilizando do sistema de BlockChain que fornece blocos com diversos cálculos matemáticos, para que os usuários forneçam o processamento de seus computadores para resolver os cálculos e devolve-los a rede do BlockChain, assim recompensando o minerado. Porém, hoje é quase que impossível minerar Bitcoin utilizando uma máquina comum. Sendo necessário investir em uma mineradora boa, que pode ultrapassar o preço de R$50.000.


Afinal, Ripple ou Bitcoin?

Essa é uma escolha um tanto quanto complicada de fazer, uma vez que os preços do XRP são baixos, mas quando comprados em uma grande quantidade podem ser um investimento melhor que no próprio Bitcoin. Além de ter direito ao utilizar dos ótimos serviços oferecidos por essa moeda, que pode ser armazenada até mesmo em alguns bancos que possuem parceria com a Ripple, como a rede de bancos Santander. Hoje, uma unidade de XRP se encontra no valor de R$2,40.

Já para o Bitcoin, podemos dizer que se você busca investir um valor alto e esperar ganhos de um dia para o outro, é a sua criptomoeda da vez, pois podemos ver casos onde em um dia a moeda está no valor de R$30.000 e de um dia para o outro o seu preço cai para R$20.000, e tendo grandes chances de seus preço voltar aos 30 mil no outro dia. Se você pensar dessa forma, já é um lucro de R$10.000 (excluindo a tarifa do Exchange) de um dia para o outro.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

One Response

  1. Pereyra

Leave a Reply